Tratamento Periodontal em Curitiba

Tratamento Periodontal em Curitiba

 

Muitos jovens e adultos tem algum tipo de problema periodontal ativo  e nem sequer percebem isso!

O sangramento da gengiva é o primeiro sinal de que algo não está certo. As gengivas inflamadas, sangrando ou mau hálito, podem ser sinais da presença excessiva de bactérias que podem levar a graves complicações orais e de saúde.

A Periodontia é a especialidade da odontologia que estuda e propõe tratamentos especializados para as doenças do sistema de implantação e suporte dos dentes. As alterações patológicas dos tecidos de suporte dos dentes são chamadas doenças periodontais.

Dentre os tratamentos periodontais, os mais freqüentes são as gengivites e periodontites e tratam-se de inflamações causadas por placa bacteriana (tártaro).meuip

A periodontia atua também na área cirúrgica através de procedimentos como plásticas gengivais, remoção de freio labial, remoção de freio lingual (língua presa), enxertos gengivais entre outros.

Se você está buscando por tratamento periodontal em Curitiba, confira abaixo alguns dos procedimentos mais comuns e saiba melhor como podemos ajudar você a manter um sorriso atraente e saudável.

Gengivite


Podemos dizer que a gengivite é o primeiro estágio da doença periodontal.

Nesta fase a doença periodontal ainda é reversível e não apresenta maiores comprometimentos do tecido ósseo e ligamentos periodontais.

A gengivite tem como características a gengiva avermelhada, inchada (de moderado a intenso) e normalmente sangra durante a escovação e utilização do fio dental.

O tratamento da gengivite passa pelo exame clínico, radiológico, orientações de higienização e procedimentos clínicos mais simples  como por exemplo a profilaxia e acompanhamento clínico periódico.

Periodontite


Dentes amolecidos podem indicar uma situação mais avançada da doença periodontal onde a manutenção do dente pode estar comprometida devido a perda de estrutura óssea de sustentação do elemento dentário.

A periodontite e uma doença crônica e na maioria das vezes indolor que pode levar a mobilidade dental, sensibilidade dentaria, abscessos, espaços aumentados (diastemas) entre os dentes, modificação na estética do sorriso, perda do elemento dental, e várias conseqüências com relação à oclusão. meuip

O tratamento da periodontite consiste na remoção da causa da inflamação, o tártaro, através de raspagem da superfície radicular (com ou sem intervenção cirúrgica) e adequação do periodonto de modo a evitar novo acúmulo de cálculos dentários (tártaro) e facilitar sua remoção.meuip

Retração Gengival


A retração gengival acontece quando o tecido gengival que contorna o dente se retrai, deixando parte da raiz do dente exposta. Essa ação pode deixar a área exposta mais sensível, suscetível a cáries e fazer o dente parecer “mais comprido”

A retração da gengiva pode ocorrer por diversos fatores, entre os mais comuns estão a escovação inadequada, dentes apinhados (tortos), inflamações por bactérias, movimentação ortodôntica, posição freios labiais, pouca espessura do osso que recobre a raiz.

O tratamento da retração gengival passa pela identificação e eliminação da causa, raspagem e alisamento da raiz do dente e enxerto gengival para recobrimento da região exposta.

Gengivoplastia – Gengivectomia


As cirurgias plásticas gengivais são muito comuns. São cirurgias odontológicas estéticas e/ou reparadoras e muitas vezes são indicados em alguns relacionados ao sorriso gengival e a hiperplasia de gengiva.

A gengivoplastia é um procedimento relativamente simples e tem como finalidade refazer o contorno da gengiva nos dentes proporcionando uma melhor estética e/ou eliminando bolsas periodontais.

O procedimento de gengivoplastia leva em média 60 minutos, e é feito pelo periodontista no próprio consultório odontológico com uso de anestesia local (procedimento também pode ser feito com sedação).

Frenectomia – Remoção de Freio Labial / Lingual


Frenectomia é a cirurgia que tem como resultado a remoção do freio lingual ou labial. É um procedimento relativamente simples, que é executado em ambiente de consultório odontológico com o uso de anestesia local (opcionalmente com sedação).

Frenectomia Freio Lingual

A cirurgia de remoção do freio lingual (localizado por baixo da língua, e que se insere desde a língua ao soalho da boca) é indicada nos casos em que o freio causa a limitação dos movimentos da língua, alterações na fonética, dificuldades na mastigação, traumas dentre outros.

Nem todas as pessoas que tem a “língua presa” necessitam de intervenção cirúrgica.

Frenectomia Freio Labial

A remoção dos freios labiais (localizados na linha media, visíveis quando afastamos  o lábio, e que se estendem desde o interior do lábio até à gengiva) é indicada nos casos de diastemas (dentes separados) associados ao freio, limitação do movimento dos lábios, motivos estéticos, interferência na retenção de próteses entre outros.

flecha azul baixo

Entre em contato agora e agende sua consulta